Quando o mal revela sua face

26/02/2018 | Compartilhe:

Policiais militares tiveram de utilizar a força necessária para prender um homem de 36 anos, suspeito de estuprar enteada de 30, portadora de necessidades especiais.

O caso aconteceu por volta das 23 horas da última sexta-feira, 23, em Jaraguá do Sul.

A mãe da vulnerável, uma senhora de 51 anos, saiu da residência por volta das 21 horas, deixando o seu namorado de 36 anos, cuidando da garota, e quando ela retornou, por volta das 23 horas, ele estava de cueca, dormindo na sala, e a moça no quarto. Mas como ela possui deficiência de locomoção, a senhora “achou estranho”, pois quando saiu ela também estava na sala.

No quarto, a senhora observou que a menina estava com sangramento na região genital, e acionou o 190.

Quando os policiais acordaram o suspeito, ele aparentava visíveis sinais de embriaguez e tentou agredir os policiais, que o imobilizaram e o algemaram.

O Corpo de Bombeiros Voluntários foi acionado e efetuaram o atendimento inicial na vulnerável, constatando lesões em sua região genital, conduzindo-a ao hospital.

O homem, que já possui várias passagens pela polícia, entre furto e embriaguez ao volante, foi preso e levado à delegacia.

Participe do grupo de notícias do 14º Batalhão Retornar para Home
1º Sargento Luiz Wiltner

1º Sargento Luiz Wiltner

Seção de Comunicação Social

Somos 14º Batalhão Governo de Santa Catarina 14º Batalhão | Somos online
----------- +++++++++++