Homem é preso por se identificar com o nome do irmão durante abordagem policial

29/06/2020 | Compartilhe:

A Polícia Militar prendeu um homem de 18 anos por falsa identidade na noite de domingo (28) em Guaramirim.

Policiais militares do 14º Batalhão realizavam rondas pela BR 280, bairro Amizade, quando abordaram um homem que estava em atitude suspeita.

Nenhuma irregularidade foi constatada na busca pessoal, entretanto os policiais acharam estranho a aparência física do abordado comparando com as informações do sistema.

Assim, os policiais realizaram outras consultas e verificaram que o cidadão abordado havia passado o nome do irmão menor.

Ao ser questionado sobre o motivo de ter tentado enganar os policiais, ele disse que a abordagem seria “mais de boa” caso os policiais constatassem na consulta no sistema que ele não tinha 18 anos.

Infeliz engano, os policiais agiram com profissionalismo e lavraram um Termo Circunstanciado por falsa identidade, sendo o homem liberado após se comprometer em comparecer em juízo.

Falsa Identidade

Código Penal:

Art. 307. Atribuir-se ou atribuir a terceiro falsa identidade para obter vantagem, em proveito próprio ou alheio, ou para causar dano a outrem: Pena: detenção, de três meses a um ano, ou multa, se o fato não constitui elemento de crime mais grave.

Participe do grupo de notícias do 14º Batalhão Retornar para Home
Subtenente Luiz Wiltner

Subtenente Luiz Wiltner

Seção de Comunicação Social

Somos 14º Batalhão Governo de Santa Catarina 14º Batalhão | Somos online
----------- +++++++++++