Homem bebeu um carro de luxo em 18 anos

26/03/2018 | Compartilhe:

Por volta das 8 horas, de sexta-feira, 26, após denúncia feita ao 190, policiais militares abordaram um cidadão na rua padre Alberto Romualdo Jacobs, bairro Nova Brasília, em Jaraguá do Sul.

O condutor, de 40 anos, que dirigia um Ford Belina, foi abordado e apresentava sinais de embriaguez, mas se recusou em fazer o bafômetro. Ele foi autuado e teve o seu veículo removido por várias irregularidades.

Destaque-se que no prontuário do cidadão, em 18 anos, foram registradas 35 autuações, sendo 15 por embriaguez e 2 por recusar fazer o teste do bafômetro. No total, 226 pontos na habilitação.

O preço da bebida e suas consequências

Ainda, para quem gosta de números, essa pessoa pagou, em tese, somente nas autuações de embriaguez, considerando o valor atual, aproximadamente R$ 50.000,00. Se imaginarmos os valores das outras autuações, gasto com advogado, guincho, diárias, consumo da própria bebida… O resultado imaginável pode ser ainda mais assustador.

Pode ser pior

Imaginem, ainda, todas as vezes que ele transitou embriagado e não foi abordado pela polícia, e quantas vezes mais ele ainda transitará irresponsavelmente até se envolver em um acidente causando prejuízo material, danos físicos, ou até mesmo fatal para outras pessoas.

Fazer o que para uma pessoa dessa compreender o prejuízo acumulado e o risco que ela causa para si mesma e para as outras pessoas? Fazer o que para esse cidadão mudar o comportamento?

Retornar para Home
1º Sargento Luiz Wiltner

1º Sargento Luiz Wiltner

Seção de Comunicação Social

Somos 14º Batalhão Governo de Santa Catarina 14º Batalhão | Somos online
----------- +++++++++++