Homem bebeu um carro de luxo em 18 anos

26/03/2018 | Compartilhe:

Por volta das 8 horas, de sexta-feira, 26, após denúncia feita ao 190, policiais militares abordaram um cidadão na rua padre Alberto Romualdo Jacobs, bairro Nova Brasília, em Jaraguá do Sul.

O condutor, de 40 anos, que dirigia um Ford Belina, foi abordado e apresentava sinais de embriaguez, mas se recusou em fazer o bafômetro. Ele foi autuado e teve o seu veículo removido por várias irregularidades.

Destaque-se que no prontuário do cidadão, em 18 anos, foram registradas 35 autuações, sendo 15 por embriaguez e 2 por recusar fazer o teste do bafômetro. No total, 226 pontos na habilitação.

O preço da bebida e suas consequências

Ainda, para quem gosta de números, essa pessoa pagou, em tese, somente nas autuações de embriaguez, considerando o valor atual, aproximadamente R$ 50.000,00. Se imaginarmos os valores das outras autuações, gasto com advogado, guincho, diárias, consumo da própria bebida… O resultado imaginável pode ser ainda mais assustador.

Pode ser pior

Imaginem, ainda, todas as vezes que ele transitou embriagado e não foi abordado pela polícia, e quantas vezes mais ele ainda transitará irresponsavelmente até se envolver em um acidente causando prejuízo material, danos físicos, ou até mesmo fatal para outras pessoas.

Fazer o que para uma pessoa dessa compreender o prejuízo acumulado e o risco que ela causa para si mesma e para as outras pessoas? Fazer o que para esse cidadão mudar o comportamento?

Participe do grupo de notícias do 14º Batalhão Retornar para Home
1º Sargento Luiz Wiltner

1º Sargento Luiz Wiltner

Seção de Comunicação Social

Somos 14º Batalhão Governo de Santa Catarina 14º Batalhão | Somos online
----------- +++++++++++