Comandante do 14º BPM participa da 1ª Oficina de Políticas sobre Drogas

26/06/2013 | Compartilhe:

Mobilização Intersetorial:

Na noite desta última terça-feira (25), o comandante do 14º Batalhão de Polícia Militar (BPM), tenente-coronel José Luiz Gonçalves da Silveira, participou da 1ª Oficina de Mobilização Intersetorial de Políticas Públicas sobre Drogas, realizada na Sociedade Cultura e Artística de Jaraguá do Sul (Scar).

A intenção da 1ª Oficina de Mobilização Intersetorial de Políticas Públicas sobre Drogas da mesoregião de Jaraguá do Sul é reunir representantes de 32 municípios para debater as propostas para a região que devem integrar o Plano Catarinense de Políticas Públicas sobre Drogas. O Plano será baseado no trabalho intersetorial das instituições que participam do evento e possuem ações diretas ou indiretas relacionadas à questão das drogas. A oficina acontece nos dias 25 e 26 de junho, no auditório da Scar, em Jaraguá do Sul.

O Secretário de Estado da Assistência Social, Trabalho e Habitação (SST), João José Cândido da Silva, ressalta que o problema das drogas não será resolvido apenas por uma secretaria. “Precisamos trabalhar de maneira integrada, intersetorial com todas as secretarias e a sociedade. Essa é uma parceria entre o Governo do Estado, os conselhos e o terceiro setor. Estamos trabalhando para tornar Santa Catarina um Estado de referência no enfrentamento às drogas. E, como consequência, contribuiremos para a pacificação das famílias catarinenses”, destaca Cândido.

 

A oficina regional de Jaraguá do Sul será a segunda de sete oficinas que serão realizadas no Estado até o final de 2013. Estão previstas ainda oficinas regionais em Chapecó, São Miguel do Oeste, Joaçaba, Criciúma e Lages. A de Florianópolis foi realizada em 10 e 11 de junho. As propostas da região de Jaraguá do Sul para o Plano Catarinense de Políticas Públicas sobre Drogas serão debatidas nos trabalhos de grupo. Os participantes serão distribuídos de acordo com os seguintes eixos: saúde intersetorial; segurança pública; cidadania e justiça; educação e prevenção intersetorial; assistência social e trabalho intersetorial e controle social e comunidades terapêuticas.

Para o comandante Gonçalves, esta é uma importante iniciativa do Governo catarinense, pois a questão do combate às drogas não cabe somente a uma instituição ou a um órgão público, mas sim, a sociedade como um todo. “Coincidentemente hoje é o dia mundial de combate às drogas. Acreditamos que com a cooperação e a mobilização intersetorial de várias instituições, em prol da busca criativa de políticas alternativas para a resolução do problema das drogas, conseguiremos reverter este quadro que afeta a qualidade de vida das pessoas, bem como todas as classes sociais e praticamente todos os municípios catarinenses. O 14º BPM tem como política de comando empreender parcerias e aproximações com toda a comunidade, através de projetos, inovações, tecnologia e soluções para as mais variadas questões sociais, buscando o bem estar e a paz social”, destaca Gonçalves.

 

Texto: Soldado Jorge Luis Sedrez Mendes

Participe do grupo de notícias do 14º Batalhão Retornar para Home

Joelmir Martens

Somos 14º Batalhão Governo de Santa Catarina 14º Batalhão | Somos online
----------- +++++++++++